postado em: 29/10/20 as 14:00, atualizado em: 30/10/20


Ameron inicia na era da energia limpa e economicidade: começa a gerar energia solar e despesa com eletricidade deve reduzir em até 90%



Nesta terça-feira (27), os técnicos da Energisa, empresa responsável pelo abastecimento energético em Rondônia, estiveram na sede social da Ameron, e autorizaram a ligação da usina fotovoltaica na rede de distribuição, o que vai permitir a geração de créditos em relação a energia gerada pelos painéis e o consumo em horários em que não há incidência de raios solares.

A potência do sistema instalado é de 75,2 kWp (quilowatts pico), o que representa uma estimativa de geração de até 8.090 kWh mensais, com algumas variações de um mês para o outro devido a diferença de radiação solar durante o ano, quantia suficiente para abater o consumo integral de energia da sede.

“A previsão é de que o investimento se pague em cerca de 3 anos. E o fizemos à custa de muita economia durante o período. Nossa conta de energia sempre foi muito elevada. Mas agora, além da economia, estaremos no conceito de energia limpa. Os colegas Inês Moreira, Duília, Gilberto Barbosa e Raduan Miguel Filho nos auxiliou na concretização desse sonho duradouro, que beneficiará a todos”, finalizou o presidente da Ameron, desembargador Alexandre Miguel.


Fonte: Assessoria de Comunicação - Ameron

comments powered by Disqus