postado em: 28/10/20 as 09:30, atualizado em: 28/10/20


​Reunião com ministro Fux expõe as necessidades da magistratura


O presidente da Ameron, desembargador Alexandre Miguel, participou da reunião virtual com o ministro do STF, Luiz Fux. O encontro aconteceu na tarde desta terça-feira (27), quando representantes das 34 associações regionais de magistrados expuseram as necessidades pelas quais a magistratura anseia serem atendidas.

Durante a reunião, coordenada pela AMB, o ministro Luiz Fux disse que enquanto estiver presidindo o Supremo Tribunal Federal (STF), “não aceitará nenhuma perda de direitos para os magistrados”, assegurou. “Como magistrado de carreira sempre fui sensível a esses pleitos. Conheço as dificuldades da magistratura e acho importante que os magistrados lutem para melhorá-la. Tenho dito que nós vamos conquistar o respeito que os tribunais merecem, que o STF merece, por meio as atitudes exemplares. As causas da magistratura devem ser nobres. Estou aberto para ouvi-los e para recebê-los”, completou Fux

As pautas de interesse da magistratura, tais como as eleições diretas para a administração dos Tribunais de Justiça, a Resolução 219 que trata sobre a distribuição de servidores e cargos em comissão no primeiro e segundo graus de jurisdição, e a proposição para que 1/3 das vagas do STF sejam ocupadas por juízes de carreira se tornaram temas centrais das discussões.

Para o presidente da Ameron, desembargador Alexandre Miguel, a reunião foi produtiva. “O ministro mencionou que falará com os presidentes de tribunais sobre a implantação do auxílio-saúde e o fortalecimento do primeiro grau de jurisdição”, pontuou. Os assuntos sobre a política remuneratória e o fortalecimento dos direitos inerentes à magistratura complementaram o encontro.

Fonte: Assessoria de Comunicação - Ameron

comments powered by Disqus