postado em: 26/05/20 as 15:30, atualizado em: 26/05/20


​Comunidades indígenas são beneficiadas pela Campanha SOS.RO


A campanha “SOS.RO: juntos, somos mais fortes” segue em expansão pelo Estado de Rondônia, além de atender as comunidades urbanas e rurais, agora os voluntários da ação social levaram cem cestas básicas, sendo 85 para as aldeias indígenas onde estão localizados os povos Kaxarari e outras 15 aos Karitianas.

As distribuições foram feitas conforme a demanda de solicitação dos povos indígenas e para isso a ONG Kanindé disponibilizou os voluntários com a missão de identificar as famílias mais vulneráveis a propagação do coronavírus (COVID-19). Antes de distribuir os alimentos, os voluntários fizeram a higienização com álcool 70% no entorno das cestas básicas, além disso todos que ajudaram na entrega usaram máscaras, luvas e álcool em gel para evitar a contaminação pelo vírus.

Para a coordenadora da ONG Kanindé, Ivanete Bandeira, “com a pandemia as necessidades dos povos indígenas se tornaram outras, ficando em isolamento e não podendo sair de seus territórios para comprar os alimentos de necessidades básicas eprodutos de higiene”, destaca.

A Kanindé é uma organização da sociedade civil de interesse público com sede em Porto Velho-RO. Fundada em 1992, a instituição tem como objetivo a defesa dos direitos humanos e do meio ambiente, propondo soluções criativas que fortaleçam a identidade, cultura, economia, educação e saúde dos povos. Há 28 anos que a entidade desenvolve diversas atividades de estudos e pesquisas, diagnóstico e planos de gestão em terras indígenas, fortalecimentos de organizações indígenas, vigilância e fiscalização, apoio à produção, capacitação de indígenas e não indígenas em legislação, uso de GPS, manejo da floresta, acompanhamento de políticas públicas, entre outros serviços.

“É muito importante os indígenas receberem essa ajuda nesse momento de pandemia pois evitam de saírem de seus territórios em busca de comprar alimentos e produtos de higiene,evitando assim de contraírem o Covid19e morrerem pois os indígenas são muitos vulneráveis as doenças do homem branco e isso pode acontecer um genocídio dos povos indígenas”, finaliza Ivanete.

A campanha SOS.RO é um projeto de mobilização social, idealizada pela Associação dos Membros do Ministério Público Estadual (Ampro), Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron), Associação dos Defensores Públicos de Rondônia (Amdepro) e Tribunal de Contas do Estado, com o apoio de diferentes grupos da sociedade que, sensibilizados pela escassez de recursos da população mais carente, em razão das consequências advindas pela necessidade de isolamento social decorrente da pandemia ocasionada pelo Covid-19.

As doações podem ser entregues na sede social da Associação dos Membros do Ministério Público (AMPRO) que fica localizada na Rua Itália, 2263, Ipase Novo. E ainda no SESC Esplanada situado na Avenida Presidente Dutra, 4175, Olaria. Ou se ainda preferir fazer a doação sem sair de casa, pode realizar depósitos na conta: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO ESTADO DE RONDÔNIA – AMERON, CNPJ: 04.917.407/0001-39, Banco Sicoob (756), Agência: 3325, Conta Corrente: 61.580-3.

Fonte: Assessoria de Comunicação - Ameron

comments powered by Disqus