postado em: 18/05/20 as 08:30, atualizado em: 18/05/20


Campanha SOS.RO beneficia moradores do bairro Rosalina de Carvalho


Cerca de cem cestas básicas foram entregues aos moradores do bairro Rosalina de Carvalho, os alimentos foram arrecadados pela Campanha “SOS.RO: Juntos, somos mais fortes”. A distribuição aconteceu na Associação dos Moradores daquela comunidade e seguiu os protocolos de segurança recomendados pelas autoridades sanitárias para o enfrentamento do coronavírus (COVID-19).

O presidente da Associação dos Moradores do Bairro Rosalina de Carvalho, Raimundo Sales dos Anjos Passos, explica como foi feito o levantamento das famílias contempladas com a benfeitoria. “Nós buscamos as famílias mais carentes e as que estão em um banco de dados com o levantamento da situação financeira de cada um. Então, nós averiguamos as condições da cada um nas visitas e solicitamos aos moradores para nos prepararmos para a entrega porque não queríamos aglomeração. Pedimos o cuidado para não levar crianças ou pessoas idosas e que fosse somente uma pessoa da família fazer a retirada, de preferência alguém jovem. Aos acamados, solicitamos que viesse alguém da família ou algum conhecido muito próximo representá-los e fazer essa retirada”, afirma.

A comunidade conta com quatro pessoas acamadas, além de outras dezenas de famílias que vivem em estado de extrema vulnerabilidade social e que se agravou ainda mais com a propagação do coronavírus. A maioria dos moradores possuía empregos com baixa remuneração e ficou desempregada em decorrência da pandemia. “Foi uma satisfação muito grande ver nos olhos daquelas pessoas que alguém olhou por eles e veio suprir as necessidades. Fiquei muito triste ao ver algumas mães saindo da fila porque não foram contempladas, mas nunca conseguimos contemplar a todos. No entanto também fiquei feliz quando vi o sorriso daqueles que saíram daqui sabendo que naquele dia teriam o que comer”, se emociona Raimundo.

A Associação dos Moradores do Bairro Rosalina de Carvalho foi criada em 2011 e é uma instituição sem fins lucrativos. Na região vivem cerca de 1 mil famílias, a maioria afetada pelas construções das Usinas Hidrelétricas do Rio Madeira e que ocuparam uma área localizada nas proximidades do Residencial Orgulho do Madeira. Antes de pandemia, a prefeitura de Porto Velho iniciou a entrega das escrituras de casas e terrenos da localidade com o objetivo de regularizar o assentamento e por lei, transformar a região em um bairro.

Para o presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron), desembargador Alexandre Miguel, é fundamental com que a população continue a contribuir com a doação de alimentos e recursos para a campanha SOS.RO continuar a levar os mantimentos às famílias mais afetadas pelo COVID-19. “Esse é um momento em que a sociedade precisa se manter unida pelos laços de fraternidade e amparar os mais necessitados através da caridade. É chegada a hora de todos nós demonstrarmos o nosso altruísmo”, avalia. A Ameron é uma das idealizadoras da Campanha “SOS.RO: juntos, somos mais fortes”, outras instituições como a Associação dos Membros do Ministério Público (Ampro), Associação dos Defensores Públicos do Estado de Rondônia (Amdepro) e Tribunal de Contas do Estado de Rondônia também estão na organização da campanha solidária.

As doações podem ser entregues na sede social da Associação dos Membros do Ministério Público (AMPRO) que fica localizada na Rua Itália, 2263, Ipase Novo. E ainda no SESC Esplanada situado na Avenida Presidente Dutra, 4175, Olaria. Ou se ainda preferir fazer a doação sem sair de casa, pode realizar depósitos na conta: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO ESTADO DE RONDÔNIA – AMERON, CNPJ: 04.917.407/0001-39, Banco Sicoob (756), Agência: 3325, Conta Corrente: 61.580-3.

Fonte: Assessoria de Comunicação - Ameron

comments powered by Disqus